O Tatuapé é um bairro privilegiado ao ponto de ter 3 parques para quem mora na região, o Ceret, O Municipal do Tatuapé (mais conhecido como Sampaio Moreira, que está fechado devido a problemas com as obras do CEU) e o Piqueri. Hoje vamos falar do Piqueri.

O Parque do Piqueri, diferente do Ceret, não foi “Construido”, difícil acreditar nos padrões de hoje mas, o Piqueri na verdade era uma “Chácara, um tipo de casa de campo” da Família Matarazzo.

E quem anda pelo Piqueri, percebe facilmente isso. O Piqueri é mais verde, é bem mais rico em vegetação. É rodeado por um variedade incrível de árvores e plantas, o chão não é de asfalto mas te terra batida. A velha casa (hoje da administração do Parque), quanto os caminhos foram preservados. Se você fechar os olhos é capaz de imaginar as pessoas antigamente, andando pelos corredores cercados com aquela vegetação ainda mais densa.

Nos finais de semana o parque lota com pessoas fazendo sua caminhada, se exercitando, crianças se divertindo nos brinquedos e famílias fazendo piquenique. O Piqueri ainda conta com uma Casa de Leitura para quem gosta de dar uma relaxada em contato com a natureza. Outro diferencial do Piqueri é que é permitido entrar com cachorros.

Se você não conhece, precisa conhecer porque é uma das boas opções que o bairro oferece.

Conheça um pouco da história do Parque do Piqueri
A antiga chácara do Piqueri, que deu origem ao Parque, foi implantada em 1927 pelo Conde Francisco Matarazzo. Ela situava-se junto à foz do ribeirão do Tatuapé, que deu nome ao bairro e constituía-se de uma casa sede, pomar, granja, criação de diversos animais, entre eles búfalos, lhamas e veados, além de uma fábrica de queijos e uma área destinada às Indústrias Matarazzo.

Particular atenção foi dispensada à vegetação, foram plantadas mais de 50 espécies de árvores – nativas e exóticas – procurando-se observar aquelas que melhor se aclimatavam em São Paulo. Em 1954 uma parte da chácara foi vendida e, em 1971 o restante foi declarado de utilidade pública, pela municipalidade, em reação aos atos de depredação da vegetação que ocorriam no local.

Em 1976, a área foi definitivamente incorporada ao patrimônio municipal. A inauguração do parque ocorreu em 16/04/1978. Criado em 16 de abril de 1978, o Parque do Piqueri fica num local denominado Chácara do Piqueri, implantado pelo conde Francisco Matarazzo, em 1927. Seu uso foi regulamentado pela Portaria nº 16/DEPAVE/78.

Parque do Piqueri
Endereço Rua Tuiuti, 515 – Tatuapé – Zona Leste
Fone/Fax: (0xx11) 6197-2213
Horário de Funcionamento: das 6h às 18h / 6h às 19h (verão)