NOVIDADEAcesse a VTMUSIC, a Web Rádio Oficial do Tatuapé.Confira!
Variedades

Arlo DiCristina e as suas inacreditáveis tatuagens surrealistas

1 Mins read

A cultura de ornamentar a pele é tão antiga quanto a própria civilização humana. Há múmias datadas de 4.000 a.C. com tatuagem. Não se sabe com certeza a origem desse costume, e há quem defenda a ideia de que a arte surgiu de maneira independente em vários pontos do mundo.

Dos inúmeros exemplos de tatuagem às quais estamos acostumados, poucos atingiram o nível de sofisticação e beleza dos trabalhos surrealistas e as metamorfoses faciais do artista norte-americano Arlo DiCristina, que assina @ArloTattoos nas redes sociais, e pratica essa arte desde a adolescência.

Dono de seu estúdio de tatuagens, o Elysium Studios, na cidade de Grand Junction no estado do Colorado, DiCristina ficou famoso há alguns anos, quando um dos seus projetos, uma imagem do Coringa, arqui-inimigo do Batman, viralizou nas redes sociais.

O sucesso nas mídias sociais
A partir desse trabalho, as pessoas começaram a associar o nome Arlo DiCristina a tatuagens surrealistas e de metamorfose facial. O artista não apenas aceitou essa identificação, como transformou esse estilo num tipo de marca própria, passando a especializar-se nessas modalidades.

DiCristina afirmou que todo o seu treinamento artístico veio de horas e horas de prática e simplesmente de tentativa e erro. Sempre aprendendo constantemente, seja com os artistas com quem trabalha no Elysium ou navegando pelo Instagram.

Os novos projetos
Ultimamente, DiCristina tem dedicado parte do seu tempo para aprender esculturas 3D, processadas num software de edição de imagens. A ideia, segundo ele, é levar seus desenhos de tatuagens a um nível totalmente inédito.

Conforme o artista, o seu empreendimento artístico mais recente foi criar suas próprias referências brincando com a escultura 3D no programa ZBrush”. Este programa faz modelagem digital tridimensional e texturização em alta resolução. Depois de aprender a esculpir digitalmente, basta trazer o modelo para o KeyShot [software] para renderização, iluminação e, finalmente, levar ao Photoshop para adicionar alguns componentes finais. Um processo e um desafio totalmente novo.

Fonte: Mega Curioso

Você também pode gostar
Variedades

KitKat investe R$ 125 milhões para expandir marca no mercado brasileiro em 2020

2 Mins read
Variedades

Fotos impressionantes e seus backstages criativos

1 Mins read
Variedades

3 séries policiais brasileiras que você precisa assistir

2 Mins read

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *